Harmonização Facial: entenda o procedimento usado pelos dentistas

Toxina Botulínica | Grupo Lien

O uso da harmonização facial gerou uma verdadeira revolução nos tratamentos estéticos em todo o mundo. Usado para harmonização facial, redução de rugas e linhas de expressão. Além de preenchimentos dérmicos, o procedimento também ganhou utilidade nos tratamentos odontológicos.

Sim! Os profissionais de odontologia já podem realizar tratamentos com toxina botulínica para diversas finalidades. Fique por dentro desse assunto e tire suas dúvidas sobre botox neste artigo do Grupo Lien!

Uso da toxina botulínica no Brasil

Nos últimos anos, o botox ganhou popularidade como um tratamento estético rápido, eficiente e indolor. 

De acordo com uma pesquisa citada pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica, o Brasil já o segundo país com maior número de aplicações de botox, ficando atrás, apenas, dos Estados Unidos. 

O estudo mostra que, em 2017, quase 400 mil aplicações da toxina botulínica foram feitas no Brasil. Em 2011, o Conselho Federal de Odontologia em 2011 liberou o uso da toxina em consultórios odontológicos

Mas, o procedimento pode ser realizado somente por dentistas com preparo específico, baseado em cursos de capacitação.

Nos procedimentos odontológicos, a toxina tem trazido resultados satisfatórios e menos invasivos. Atualmente, o botox é utilizado por dentistas em tratamentos para:

  • Desconforto facial de origem muscular;
  • Dor de cabeça tensional, enxaquecas (ATM);
  • Bruxismo;
  • Suavização do sorriso gengival;
  • Redução da salivação.

O botox também é frequentemente usado junto com preenchimentos dérmicos para corrigir linhas labiais altas sem a necessidade de cirurgia.

Como a toxina botulínica funciona?

A toxina botulínica